Atendimento em todo Brasil
Atendimento em todo Brasil

   

Como fazer uma boa carta de apresentação para currículo?

Na busca por um novo emprego, muitas vezes o candidato se surpreende com a exigência de uma carta de apresentação para currículo. Além dessas situações, o que muitos não sabem é que a carta de apresentação é sempre interessante, principalmente quando uma candidatura é enviada por e-mail.

Quem nunca fez uma carta de apresentação, ou mesmo não teve sucesso com suas tentativas, acumula dúvidas sobre como esse documento deve ser realmente. Um erro comum é repetir nessa carta o mesmo que já está no currículo. Para que você entenda como fazer uma boa carta de apresentação para currículo, vamos oferecer algumas dicas a seguir.

Clareza e objetividade são a chave

A carta de apresentação para o currículo é uma maneira de se apresentar para a empresa, para além das informações do currículo. Nesse contexto, pessoas que têm muita experiência podem ter dificuldade em fazer um texto objetivo e breve.

Por isso, é preciso entender que a carta de apresentação não precisa ter tudo sobre você. Menos ainda deve-se perder tempo (e fazer com que o leitor perca tempo) com excesso de adjetivos, desculpas, elogios e outras futilidades.

Trate o recrutador com cortesia e naturalidade na carta, e fale sobre suas qualidades e experiências, que são mais úteis para a vaga, de maneira mais detalhada que no currículo.

Identifique-se e indique o remetente

É importante que seus dados sejam informados de maneira breve e simplificada na carta, de modo que ela possa ser associada ao currículo enviado. Igualmente, deve-se referir ao remetente, preferencialmente pelo nome. Caso não saiba o seu nome, utilize a informação que tiver, como o setor ou a empresa, tratando leitor por um pronome vocativo como “prezado(a)”, “caro(a)”.

Sua carta deve ter início, meio e fim

Por mais obvio que possa parecer, muitas pessoas tem dificuldade em fazer um texto com início meio e fim. É importante que a sua carta de apresentação seja estruturada dessa maneira.

No início, você deve se apresentar (dados), indicar seu objetivo profissional, cargo pretendido na empresa, suas experiências e qualificações que podem contribuir com a vaga, respondendo inclusive aos requisitos indicados.

No desenvolvimento, que é o meio da carta, você deve contar com mais detalhes algumas de suas experiências úteis para a vaga em questão, oferecendo exemplos de atuações importantes, méritos, premiações, vivências diferenciadas e afins. Pessoas com pouca experiência de trabalho podem dar ênfase na formação ou experiências voluntárias, informais e afins, desde que saiba falar bem delas.

Para finalizar a carta, deve-se concluir pontos que tenham ficado em aberto. Além disso, é importante demonstrar disponibilidade, interesse, agradecer e se despedir. Não deixe de assinar a carta com o seu nome completo e indicar data e local.

Lembre-se que a carta de apresentação para currículo é um documento formal

É fundamental ter em mente que a carta de apresentação para currículo é um documento formal. Portanto, existem cuidados para além do conteúdo do texto. Um dos pontos cruciais é utilizar uma fonte adequada, como a Arial ou Times New Roman, tamanho 12 e alinhamento justificado.

Fora isso, deve-se utilizar folha branca e papel A4 caso seja um documento em anexo ou impresso. Fazer uma revisão ortográfica ao final, para assegurar que a carta não está indo com erros, é outra coisa que não pode faltar.

Agora você se sente preparado para fazer uma boa carta de apresentação para currículo? Ainda tem dúvidas? Converse com a gente e outros leitores nos comentários!

Dúvidas? Questionamentos? Escreva pra #MRD!

Se tiver alguma pergunta 💬, ou caso identifique-se com algum ponto desse texto 🎯, nossa assessoria jurídica pode entrar em contato com você. 👨‍⚖👩‍⚖

👇 Preencha o formulário abaixo, é rápido: